AH-64 Apache (EUA, 1975)

AH-64 Apache (EUA, 1975)

O helicóptero de ataque Apache, que recebeu o nome da tribo indiana americana, foi concebido pelo exército dos Estados Unidos.

História

Palavras-chave

Apache, helicóptero, de guerra, exército, força aérea, guerra, arma, Tempestade no Deserto, EUA

Extras relacionados

Cenas

Apache

O guerreiro índio dos ares

O helicóptero de ataque foi desenvolvido pelo exército norte-americano, como suporte às operações terrestres do exército, para destruir veículos blindados. Os subtipos mais avançados (AH-64D) também estão equipados com excelentes equipamentos de radar. A sua utilização mais eficaz foi na primeira Guerra do Golfo (contra o Iraque). Atualmente, mais de dez países possuem este tipo de aparelho.
Para além dos seus muitos pontos fortes muitas vezes referidos pelos especialistas, a sua difícil manobrabilidade é apontada como a sua maior desvantagem.

DADOS TÉCNICOS

Função: helicóptero de ataque
Fabricante: Hughes, McDonell Douglas, Boeing
Tripulação: 2
Voo inaugural: 30 Ssetembro de 1975
Preço: 18 milhões USD (1984)

Dimensões
Comprimento: 17,7 m
Altura: 3,87 m

Peso
Peso em vazio: 5165 kg
Peso totalmente abastecido: 8000 kg
Peso máx. na descolagem: 9525 kg

Motor
Motor: 2 x General Electric T701 motores de turbina livre
Potência: 2 x 1260 kW

Performance
Velocidade máxima: 293 km/h
Raio de combate: 480 km
Alcance: 1900 km
Teto de serviço: 6400 m
Ascensão máxima: 12,7 m/s

Armamento
Metralhadoras: 1× 30 mm M230 Machine Gun
Foguetes: AGM-114 Hellfire foguetes ar-terra

Vista superior

Cabine de pilotagem

Estrutura

  • rotor
  • rotor de cauda
  • cabine de pilotagem
  • metralhadora
  • lança-mísseis
  • sensores
  • fuselagem
  • motor
  • asa

Animação

  • rotor
  • rotor de cauda
  • cabine de pilotagem
  • metralhadora
  • lança-mísseis
  • sensores
  • fuselagem
  • motor
  • asa

Narração

O helicóptero de ataque Apache AH-64 foi desenvolvido para o exército dos EUA. Desde o seu voo inaugural em 1975, muitos outros países também já usaram este aparelho.

O helicóptero de ataque, com 18 metros de comprimento e 4 metros de altura, está equipado com dois motores de turbina dupla, cada um com 1690 cv de potência; o seu peso máximo na descolagem é de 10 toneladas. Para além do seu grande alcance e elevada velocidade, uma das mais importantes características deste helicóptero é o seu extraordinário poder de fogo. O aparelho está equipado com mísseis antitanque, ar-terra e ar-ar, assim como uma metralhadora de 30 mm. Outras características importantes dos helicópteros Apache são os seus sistemas de sensores e radar. Os sensores montados no nariz e os radares montados no rotor principal proporcionam uma grande eficiência em combate.

Em conjunto com estas vantagens, o helicóptero de ataque apresenta também algumas desvantagens. Em particular, o aparelho possui um sistema de controlo muito complexo, é necessário muito tempo para treinar os pilotos e a sua defesa contra certo tipo de armas, que se mostrou insuficiente em numerosas ocasiões.

Os helicópteros Apache foram usados em vários conflitos militares um pouco por todo o mundo. Até aos dias de hoje, são considerados como um dos melhores helicópteros de ataque alguma vez construídos.

Extras relacionados

Fuzileiro naval americano (início do século XXI)

O Corpo de Fuzileiros Navais é um ramo das forças armadas americanas, com cerca de 200 mil membros com treino especializado.

Helicóptero (BELL 206 Jet Ranger)

O helicóptero canadiano é um dos mais utilizados no mundo inteiro.

Experiência com helicóptero (Oszkár Asbóth, 1928)

O helicóptero de Oszkár Asbóth realizou o seu primeiro voo em 1928, no que constitui um marco na história da aviação.

F-16 Fighting Falcon (EUA, 1978)

O Fighting Falcon é o avião de maior sucesso na categoria de caças polivalentes.

MIG-31 (União Soviética, 1982)

O caça bimotor soviético fez o seu primeiro voo em 1982.

USS Ohio (EUA, 1979)

A Marinha americana foi a primeira a utilizar a propulsão nuclear como fonte de energia nos seus submarinos, em meados do século XX.

USS Tarawa LHA-1 (1976)

A partir da década de 1940, os cada vez maiores porta-aviões tornaram-se senhores dos oceanos.

Inventos de Leonardo da Vinci - Parafuso aéreo (cerca de 1489)

O polímata acreditava que, se a hélice pudesse girar com suficiente velocidade, ascenderia em rotação e voaria.

Sustentação aerodinâmica

A alta velocidade produz sustentação nas asas de um avião devido ao seu perfil assimétrico.

Added to your cart.